Quarta Parede

Blog de reflexão sobre teatro e dramaturgia.

Mansarda, pelos Circolando

leave a comment »

17 a 20 e 23 a 27 de Setembro de 2009

Espectáculo de encerramento do ciclo “Poética da Casa”, “Mansarda” propõe uma súmula das várias ideias de casa que com ele queremos abordar: casas feitas de pele-memória que existem fora do tempo. Casas com raízes e sabor a terra sensíveis ao ciclo das estações. Casas-corpo-árvore, pés mergulhados na terra e cabeça a tocar o céu. Casas com as memórias de um mundo rural antigo, com a lembrança dos campos e dos animais. Casas com os serões de trabalho e festa, com os medos da escuridão e o secreto desejo da viagem. Casas com ninhos prestes a voar. Casas que integram o vento e a chuva e acolhem um sonho de mar. Casas-ilha, casas flutuantes, casas da eternidade. Casas com as paisagens da imensidão.

As linguagens das imagens e das emoções, do corpo, dos objectos, da música voltarão a ser base deste novo manifesto poético que, sem palavras, quer falar da importância da preservação da memória e do devaneio.
Ao longo da vida vamos construindo um sótão-abrigo onde guardamos os nossos sonhos-lembrança fundamentais. As vivências, as histórias, as imagens que fomos retendo para podermos a elas voltar sempre que o desejamos. No fundo, uma casa para o nosso coração. Uma casa que se confunde connosco e sempre nos acompanha.

Velhos, visitamos estes sótãos com raízes numa infância longínqua e fazemos soar livres os fios da memória. Baralhamos a curva do tempo. Caminhamos em direcção aos inícios, vamos para o lugar onde se encontra a morada dos nossos devaneios…

Os escritos de Bachelard e os desenhos, as esculturas e as instalações de Louise Bourgeois serão o ponto de partida para um diálogo com múltiplos autores: Tonino Guerra, Miguel Torga, Cesare Pavese, Mia Couto, Chagall, Dussaud… A máscara, o palhaço, a dança com cadeiras, roupas, ramos, palha…, a música das máquinas de costura-sanfona, a voz e o canto serão matérias certas no trabalho de improvisação teatral.

Co-produção com a rede europeia Próspero, o Centro Cultural de Belém e o Teatro Nacional São João, “Mansarda” estreia em meados de Setembro de 2009 no Teatro Carlos Alberto (Porto). No último trimestre do ano, “Mansarda” parte para uma digressão que incluirá o CCB e os festivais Vie Scena Contemporanea (Modena) e Mettre en Scène (Rennes).

Ficha artística

Criação colectiva: Circolando 

Direcção artística: André Braga e Cláudia Figueiredo

Direcção e concepção plástica: André Braga

Dramaturgia: Cláudia Figueiredo

Composição musical: Alfredo Teixeira

Interpretação: Ana Madureira, André Braga, Graça Ochoa, Inês Oliveira, Inês Mariana Moitas, João Vladimiro, Mafalda Saloio, Patrick Murys

Cenografia: André Braga, Carlos Pinheiro, Nuno Guedes, Américo Castanheira

Instrumentos musicais: Sandra Neves (sanfonas e sanfonelas) André Braga, Alfredo Teixeira, Nuno Guedes, Duarte Costa (sanfonas)

Figuras dos velhos: Sandra Neves, Lília Catarina (máscaras femininas)

Adereços: Sandra Neves, Carlos Pinheiro, Nuno Guedes

Figurinos: Inês Mariana Moitas

Coordenação da construção: Nuno Guedes

Desenho de luz: Cristóvão Cunha

Desenho de som: Harald Kuhlmann

Produção: Ana Carvalhosa (direcção) e Cláudia Santos

Anúncios

Written by Jorge

Setembro 15, 2009 às 11:14 am

Publicado em Companhia, Evento

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: